Você está aqui: Página Inicial

Juventudes

O Núcleo da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) do Projeto METUIA reúne professores, pesquisadores, profissionais, alunos de graduação e de pós-graduação em torno das temáticas da formação, da pesquisa e da atuação em Terapia Ocupacional Social.

O METUIA - palavra indígena de origem bororo, que significa amigo, companheiro - foi criado em 1998, por docentes da área de terapia ocupacional da Universidade de São Paulo (USP/Campus São Paulo), da UFSCar e da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente, são cinco os núcleos do Projeto METUIA: USP, UFSCar, UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), UFES (Universidade Federal do Espírito Santo) e UnB (Universidade de Brasília).

Na UFSCar, desenvolvemos projetos de pesquisa, ensino e extensão que visam à ‘implementação’ de intervenções que busquem a inserção de metodologias participativas no campo da infância e da juventude brasileira, e, igualmente, da saúde pública em suas interfaces com a questão social. Tem-se o intuito de apreender a realidade social, realizar formação acadêmica e desenvolver pesquisas e reflexões sobre o fomento de tecnologias de cuidado, com enfoque no fortalecimento das redes sociais de suporte de grupos populacionais em situação de vulnerabilidade social e/ou de desfiliação, bem como na discussão sobre o papel técnico-político dos profissionais e de suas contribuições no enfrentamento de problemáticas sociais contemporâneas.

No campo das Juventudes, o trabalho é desenvolvido por meio de ações de extensão universitária, que se configuram também como espaço de formação técnico-profissional, bem como pelo desenvolvimento de pesquisas.